O que é Diabetes Mellitus

Você sabe o que é diabetes mellitus? O diabetes é uma síndrome metabólica de múltiplas origens, devido à falta de insulina e / ou à incapacidade da insulina para exercer adequadamente seus efeitos, causando um aumento da glicose (açúcar) no sangue.

O que é Diabetes Mellitus
O que é Diabetes Mellitus (Foto: Saúde e Nutrição)

O que é Diabetes Mellitus

Diabetes acontece porque o pâncreas não é capaz de produzir insulina hormonal suficiente para satisfazer as necessidades do corpo, ou porque o hormônio não é capaz de atuar corretamente (resistência à insulina).

A insulina promove a redução da glicemia, permitindo que o açúcar presente no sangue penetre nas células para ser usado como fonte de energia.

Então, se há uma falta desse hormônio, ou mesmo se não agir corretamente, haverá aumento da glicemia e, portanto, diabetes.

O que é Diabetes Mellitus

Diabetes mellitus é uma síndrome caracterizada por excesso de açúcar no sangue, seja pela baixa produção de insulina no organismo ou pela incapacidade da insulina para exercer sua função nas células, causando um aumento anormal da glicemia.

A insulina é um hormônio liberado pelo pâncreas e desempenha um papel fundamental no controle glicêmico porque estimula a entrada de açúcar nas células, onde será metabolizado e transformado em energia ou armazenado como gordura.

Quando o hormônio é liberado em quantidade suficiente, mas não funciona corretamente nas células, esse processo é chamado de resistência à insulina e pode indicar o início da doença, progredindo para a diabetes.

A educação sobre o diabetes é muito importante para o tratamento. Não só o paciente precisa ser educado, mas também sua família e as pessoas que vivem com ele.

Assim, o paciente pode ter o apoio e suporte necessários para um bom tratamento e tomar as decisões mais apropriadas com base no conhecimento.

A forma infantil da doença não é mais do que o tipo 1, que geralmente é diagnosticado durante a infância, uma vez que as células do pâncreas quando atacadas pelo sistema imunológico tendem a deixar de funcionar precocemente na vida de pessoas afetadas pela doença.

Quando se trata de diabetes, o açúcar logo é colocado como um vilão, mas a realidade não é assim tão simples. O ingrediente deve ser evitado, mas pode até ser consumido, desde que não exagere.

O que acontece é que o consumo excessivo de açúcar está associado ao aumento de peso e a obesidade é um importante fator de risco para o desenvolvimento e desequilíbrio da doença, diz Daniele. Cuidar de alimentos é essencial para controlar a doença e prevenir qualquer risco.

De acordo com Daniele, a dieta recomendada para o paciente diabético não é diferente da recomendada para a população em geral: “Os pacientes devem ser encorajados a substituir carboidratos refinados e alimentos com açúcar adicionado para grãos integrais, legumes, vegetais e frutas”, recomenda.

Tudo com moderação e com assistência médica.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *